Lágrimas

Lágrimas são sonhos vertendo-se no rosto,
são jóias, diamantes lapidados
pela saudade ou pelo gozo. 

Lágrimas são palavras que não foram ditas,
frases sem efeito
ou de efeito contrário à intenção querida. 

Lágrimas são versos de uma poetiza cega,
que, sem ver, enxerga a luz do coração
e a emoção sincera que dá cor e forma ao verbo
e conjuga o ofício eterno de rimar viver com amar. 

Quem não chora, perdeu a chance de viver numa canção,
pois cada lágrima é um acorde,
cada pranto, uma melodia,
cada erro uma estrofe,
cada vitória uma harmonia,
cada história, um refrão. 

Alexandre Santos 

Anúncios

Uma resposta to “Lágrimas”

  1. Lídia Says:

    É um poeta esse menino!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: