O Homem sem Rosto

 

Gravura "O Homem sem Rosto" by ~psicopaulo

          A cobertura do jornalismo da Globo sobre o desabamento das vigas do rodoanel está uma beleza. Uma coisa de louco. Eles falam sobre um tal “responsável pela obra”. Mas quem será, então, esse ser sem rosto, sem nome, sem identidade? As reportagens nunca citam como responsável o Governo de São Paulo, que tem no currículo desabamentos nas obras do Fura-Fila e da Linha 4 do Metrô.

          Estranhamente, as matérias desinformam mais do que informam os telespectadores, pois falam de possíveis causas para o acidente, que, diga-se de passagem, por pouco não se transformou em tragédia, mas não dá nomes aos bois quando o assunto é a responsabilidade. Nas peças publicitárias, mostrando a grandeza e os benefícios do Rodoanel, o governador de São Paulo, José Serra, aparece como pai da criança, mas depois que desaba…

          – Quem é então o responsável?

         –  Xi, não pergunta que complica!

         – Ah, é uma empreiteira.

         Tudo bem. Então que empreiteira é essa? Qual o nome? A quem pertence? Como foi escolhida? Quem é o engenheiro que assina o projeto que essa empreiteira apresentou ao Governo de São Paulo e foi aprovado? O Governo do Estado não fiscaliza suas obras?

         Na reportagem, um engenheiro do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA) disse que se uma das vigas havia trincado, não deveriam ter colocado as outras quatro. Ele disse que o certo seria fixar as cinco vigas ao mesmo tempo e fazer amarrações com cabos de aço.

          Então, quem deixou que a gambiarra fosse feita? Não havia engenheiros na hora da colocação das vigas? Se havia, quem eram? O engenheiro responsável pela fiscalização do Governo de São Paulo não estava lá? Por que? Ele estava? Então por que deixou que o procedimento fosse feito de maneira errada? Quem é o responsável por deixar o trabalho ser feito da maneira errada, colocando em risco a vida das pessoas?

          Aliás, tem-se que colocar as mãos para o céu e agradecer a Deus o fato de não ter morrido ninguém nesse acidente. O próprio motorista do caminhão atingido, ao ser liberado do hospital, afirmou que não sabia como sobreviveu.

          Não quero ensinar Pai Nosso a vigário, mas essas me parecem perguntas básicas a serem feitas numa cobertura jornalística séria. De duas, uma: ou a Globo desaprendeu a trabalhar ou, por algum motivo, nesse caso, está se omitindo e tentando de todas as formas manter na penumbra os tais responsáveis pela lambança.

Alexandre Santos
16/11/2009

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

Uma resposta to “O Homem sem Rosto”

  1. Cabo de aço - Wilson Says:

    Estava lendo teu post e me interesei pelo assunto dos cabos, mesmo o tópico não sendo este. Vale a pena ler. Abraços! Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: